terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Boas Festas


Aluno da Escola vence IV Concurso de Redação "Padre Sátiro Cavalcanti Dantas".

O aluno Wesley Gabriel Martins dos Santos do 9º ano C vespertino da nossa escola foi o vencedor IV Concurso de Redação "Padre Sátiro Cavalcanti Dantas".

A solenidade de entrega de troféus aconteceu no Requinte Buffet, no dia 16 de dezembro às 19h.
O concurso é uma iniciativa do Cejuxta -entro de Estudos Jurídicos Juxta Legem - através dos advogados Marcos Araújo, Naerton Soares, Ewans Araújo, Fernanda Abreu e Barreto Júnior.

Com o tema “Escola e Saber: a sua escolha pode mudar o mundo” o concurso teve como objetivo incentivar o desenvolvimento do processo educativo escolar e difundir uma maior reflexão acerca dos objetivos de se valorizar a educação enquanto elemento essencial para o efetivo desenvolvimento da cidadania.


O Cejuxta promoveu na escola antes do concurso oficinas sobre o tema o que contribuiu para uma inscrição bem expressiva dos alunos.

A Escola se orgulha e parabeniza Wesley por este momento!

sábado, 5 de dezembro de 2009

Hoje a escola foi premiada com uma conversa muito proveitosa com o Secretário da Defesa Social do municipio Alber da Nóbrega.


Num encontro que reuniu toda a escola Alber da Nóbrega começou expondo suas ações e projetos frente a Secretaria da Defesa Social, destacandoo projeto da Guarda Municipal.


O encontro teve como objetivo conversar sobre uma pesquisa nas escolas da rede pública municipal de ensino para saber o nível de violência vivenciado no ambiente escolar. Denominada de “Paz na Escola”, a pesquisa colheu informações de diretores e vice-diretores das unidades de ensino, que responderam a um questionário elaborado especificamente para o trabalho.


Para Álber da Nóbrega a pesquisa ajudou na formulação de um diagnóstico acerca da realidade nas escolas da rede pública municipal e por meio da análise possibilitará um conhecimento sobre a realidade que se precisa enfrentar na escola.


Álber da Nóbrega informou que nossa escola é umas da quatro escolhidas no municipio para participar do Projeto Paz na Escola, uma iniciativa que busca auxiliar a escola e criar projetos objetivem ações preventivas de violência na escola.


A parceria com a Secretaria da Defesa Social possibilitará buscar ajuda na implantação e implementação dos projetos idealizados.


Os professores e funcionários participaram ativamente da reunião, com perguntas e sugestões. Nas interferências ficou claro a satisfação de todos com a iniciativa do Secretário, ouvir sugestões da escola para depois implmentar o projeto. Essa atitude demonstrou claramente o espírito democrático por parte do secretário.





Segundo o secretário da Defesa Social, o foco da pesquisa – das atividades que serão desenvolvidas com base no diagnóstico – será direcionado ás crianças e aos adolescentes, justamente para promover redução na violência dentro das escolas. Para Álber, com as atividades os alunos poderão encontrar outras formas de expressão diferentes da violência.Ainda segundo o secretário, a meta é contribuir, através da mediação de conflitos e baseada nos paradigmas da Segurança Pública, que prioriza ações preventivas que atinjam a causa da violência. Tudo isso, disse, na busca de assegurar os direitos fundamentais do cidadão: segurança e educação.

quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Gincana Cultural da Paz





Trabalhando o projeto Resgatando Valores Humanos na Escola com todos os alunos, sentimos a necessidade de dar continuidade as atividades voltadas para o tema Paz.
Como os alunos insistiam na realização de uma gincana nasceu então a I Gincana Cultural da Paz.

A gincana aconteceu em dois dias no turno vespertino, com tarefas culturais, competitivas e relâmpagos.
entre as atividades culturais foram realizadas:




  • Exposição de faixa sobre o significado da paz;


  • Apresentação de peça de teatro: "A escola que temos e a escola que queremos";


  • trazer uma pessoa da comunidade para proferir palestra sobre a importância da paz e as consequências de bão promovê-la;


  • Apresentação (com imagem) de biografia de : Zilda Arns, Martin Luther King, Betinho, Padre Guido, Tiradentes e Nelson Mandela;


  • Trazer da comunidade uma pessoa que promova a paz e apresentá-la ao público justificando a escolha;


  • Apresentação de coral com o tema Paz;


  • Apresentação de dublagem de um artista conhecido cantando o tema paz - dublagem da Cantora Joana com a música "Nós queremos paz" coreografada.


Foram realizadas as seguintes trefas relâmpagos:





  • Corrida de saco;


  • Criação de frases sobre a paz;


  • Bricandeira do stop com palavras que lembram a paz.


Foram solicitadas as seguintes tarefas competitivas:





  • Trazer cupons ficais para doar a Associação de Apoio aos Portadores de Câncer de Mossoró e Região (AAPCMR) setor de apoio a criança com câncer;


  • Trazer sabonetes para a "Campanha Caravana Semeando o Amor", para serem doados a famílias carentes do interior do estado no período natalino - A campanha Caravana Semeando o Amor é um projeto realizado por voluntários de iggrejas católicas da capital do estado com o objetivo de proporcionaar à essas famílias carentes um Natal mais digno, mais himano...


Durante a gincana foram coletados 20.000 cupons ficais e 200 sabonetes.



As equipes participantes foram:





  • 6º ano D - Peace and love sob orientação do Prof. Aldo Firmino


  • 6º ano E - Amigos da paz sob orientação do Prof. Francisco das Chagas


  • 7º ano C - Exército da paz sob orientação dos Profs. Antonio Carlos e Manoel Soares


  • 8º ano D - Paz e amor sob orientação do Prof. Álvaro


  • 9º ano C - Peace in the world sob orientação da Profª. Jocineide


A equipe vencedora foi a do 9º ano C Peace in the world sob orientação da Profª. Jocineide.



Acreditamos que a gincana foi uma atividade prazerosa e importante para os alunos, os mesmos participaram ativamente, se engajando nas campanhas de doação e nas atividades competitivas, cumpridas e culturais.



Noêmia Vale



Supervisora turno vespertino



quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Resgate de valores cívicos




Nossa escola viveu nesta segunda-feira (30/11) um momento único e belo.


Civismo e patriotismo coloriram nossa escola.




A culminância do projeto Cantando os nossos hinos emocionou o público presente.




Podemos afirmar que foi um espetáculo de patriotismo estrelado pelos autores/atores da nossas escola (nossos queridos alunos e professores). Nele alunos coloriram a quadra com as cores da Bandeira Nacional.




O Prof. Pedro Mendes da disciplina de história, juntamente com os demais professores souberam reger como um mestre essa sinfonia.




Num primeiro houve um desfile da nossa bandeira da paz, confeccionada pelos alunos do turno matutino durante o Projeto: Resgantando Valores Humanos na Escola.




Num segundo momento fomos convidados a receber as bandeiras: do Brail, RN, Mossoró e da nossa Escola.




Num terceiro momento houve uma homenagem aos 139 anos de emancipação política da cidade de Mossoró, com uma coreografia contagiante os alunos cantaram o hino a Liberdade, seguido do Hino Oficial de Mossoró.




Num quarto momento houve a apresentação da Bandeira Nacional, uma bandeira medindo 10 metros de comprimento por 5 metros de largura, que o Prof. Pedro Mendes construiu desde o ano de 2003 com os alunos da escola usando retalhos. Os alunos cantaram o Hino a Bandeira.




E encerrando o espetáculo todos foram convidados a participar da execução do Hino Nacional.




Durante todo o espetáculo houve emoção por parte da platéia, muitos relembrando momentos de civismo que viveram.




A Gerente de Educação Ieda Chaves participou de todo evento e destacou a importância do mesmo para o resgate do sentimento de civismo e patriotismo, aproveitou para parabenizar alunos e professores pelo projeto.




Quero aqui deixar meu mais profundo agradecimento a todo corpo docente da escola que contribuiu para o acontecimento do projeto.




Destaco o empenho do Prof. Pedro Mendes que fez o evento acontecer.




Parabenizo o Prof. Hebert Menezes pela bela coreografia.




Agradeço a Secretaria de Defesa Social do Municipio, a TV a Cabo Mossoro, ao Jornal Gazeta do Oeste e aos Pais dos aluno que abrilhataram nosso evento.




E por último aplaudo de pé aos "meus" alunos (meus eles sabem porque) pela participação, empenho, doação e amor com que fizeram esse evento acontecer.


Jaciara Gomes


Supervisora



Influenza A: Conheça e Previna-se


VII Mostra Científica

A participação da escola na VII Mostra Científica do Município de Mossoró, realizada nos dias 24 e 25 de novembro, foi um sucesso.

A escola participou com dois projetos científicos: Influenza A: Conheça e Previna-se e A Quimica no dia-a dia.

O projeto Influenza A: Conheça e Previna-se foi orientado pela Profª. de ciências Zilma Sabino, do turno matutino, e co-orientado pelos professores Hebert Menezes (Ensino da Arte), Gilcinete (Ciências) e Selênia Holanda (Inglês), Joselena (acadêmica do Curso de Biologia da UERN) e Profª Maise (UERN).

O projeto A Quimica no dia-a-dia foi orientado pelo prof. Aldo Firmino e co-orientado por Anderson (acadêmico do Curso de Quimica UERN).

Os alunos arregaçaram as mangas, vestiram a camisa da esola e foram buscar informações.

O projeto Influenza A: Conheça e Previna-se envolveu todos os alunos do turno matutino. Eles estudaram o que é método científico e as etapas do projeto científico; elaboraram questionários, para aplicar com suas famílias, objetivando identificar os grupos de risco da comunidade na qual estão inseridos. Logo após, elaboraram gráficos e fizeram o confronto das conclusões com suas hipóteses.

Terminada essa fase de diagnóstico, os alunos partiram para a fase prática.

Elaboraram cartazes e panfletos explicativos, vídeos educativos, maquetes do vírus H1N1 e de células infectadas.

Umas das fases que eles mais se identificaram foi a confecção do álcool gel. Um processo que eles mesmos pesquisaram e depois fabricaram. Foi uma festa... Álcool rosa, azul, verde... Não se cansavam de inventar e reinventar.

Nos dias da Mostra Científica o estande se destacou, com uma ambientação criada pelo prof. Hebert Menezes e assessorada por Franklin. Os alunos criaram um vaso sanguíneo e convidaram os visitantes a viajar por dentro dele. Foram espalhados alunos simulando vírus e depois leucócitos pelo estande. Uma maquete de uma célula infectada foi colocada no ambiente para o visitante entender o processo de contaminação. Logos após, foi apresentado um vídeo explicativo de como se prevenir da doença.

Fora do estande os alunos explicavam o processo confecção do álcool-gel.

E por último, com auxilio de um banner explicavam todo processo cientifico que envolveu o projeto.

Durante os dois dias foram distribuidos panfletos explicativos.

Alunos com máscaras e luvas distribuíam álcool-gel em saquinhos, bem como faziam a higienização das mãos dos visitantes.